Compreender a crise dos alimentos

Publicada por José Manuel Dias

Um vídeo obtido via OrdemLivre.org/Blog. Uma leitura da actual crise. Imperdível.

3 comentários:

  1. quinttarantino disse...

    Permita que elogie não só esta pequena peça que escolheu para retratar algumas das causas da carestia e aumento exponencial de alguns alimentos, mas o seu projecto enquanto blogue.

    Escorreito, sóbrio, a focar temas que muito nos deviam tocar mas que, infelizmente, não são credores da atenção da maioria.
    Preferimos entreter-nos por coisas mais comezinhas.

    Obrigado pela visita e amabilidade em ter comentado.
    Volte sempre.

  2. Maria P. disse...

    Impressionante.

  3. Lúcia disse...

    Ora aí está um breve resumo sobre o maior problema de hoje: chegámos à FOME e não foi por falta de aviso. Achávamos que seria daqui a centenas de anos. Não foi. Já cá está. E quanto à sede... ela já se faz sentir. A questão já não é saber se haverá água para os nossos filhos - como se fosse uma metáfora de um tempo vindouro. A questão já é saber como vamos ter água para nós, amanhã.